EXTENSÃO – Curso de Farmácia da UNISANTOS cria a Liga Acadêmica de Toxicologia Clínica (LATOX), inédita na região

O curso de Farmácia da UNISANTOS iniciou neste mês os trabalhos da Liga Acadêmica de Toxicologia Clínica (LATOX) da Universidade. Inédita na região, ela foi credenciada, na última semana, na Sociedade Brasileira de Toxicologia (SBTOX). Esse é mais um programa de extensão do curso e está ligado ao Grupo de Estudo e Pesquisa em Toxicologia da instituição.

 

Sob a supervisão da professora mestre Paula Carpes Victório, a LATOX é formada pelos seguintes estudantes do curso: Alisson da Silva Rodrigues dos Santos, Ana Maria Boaventura de Oliveira, Dayane Felix de Almeida, Gabriela Rodrigues da Costa e Victória Sanches Coelho. Juntos, eles realizam de forma virtual os encontros, por conta da pandemia de Covid-19, e com auxílio de aplicativos seguem com a manutenção de ideias constante.

 

LANÇAMENTO – Segundo o estudante do 7º semestre do curso de Farmácia e presidente da Liga, Alisson dos Santos, a ideia de fundar a LATOX surgiu através do desejo de desbravar a toxicologia, aplicar os conhecimentos no dia a dia das pessoas e entender como ocorre a interação entre a sociedade e o tema.

 

Segundo o futuro farmacêutico, o objetivo é promover a integração entre os estudantes e a população, e desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão na área.  “Seguindo os pilares da extensão, ensino e pesquisa, a LATOX irá investir na produção de conteúdo de aprendizagem científica, nas plataformas digitais, para a comunidade universitária e população em geral”.

 

FORMAÇÃO – Ele ainda fez questão de ressaltar sobre os benefícios que o grupo poderá trazer para os estudantes do curso. “A Liga irá ajudar os alunos a participar de um grupo com interesses em toxicologia. Além disso, eles poderão vivenciar, de alguma forma, a evolução constante de uma ciência em contraste com a população”, finaliza.