Convênio inicia ações para que fortificações recebam o título de Patrimônio Mundial

Fortaleza-da-Barra
Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande

A UNISANTOS e  o Icofort –  International Scientific Committee on Fortifications and Military Heritage  – assinam termo de cooperação técnico-científico, na sexta-feira (17), às 10 horas, na Fortaleza de Santo Amaro da Barra Grande, em Guarujá. Um dos objetivos da parceria é a elaboração de um dossiê com vistas para que a fortificação e o Forte São João, de Bertioga, recebam o título de Patrimônio Mundial pela Unesco (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura).

 

Neste mesmo dia, às 17 horas, a UNISANTOS realiza a mesa-redonda “Sustentabilidade e Educação Patrimonial”, no Campus Dom Idílio José Soares (Avenida Conselheiro Nébias, 300). Participam, o vice-presidente do Icofort, José Claudio Santos Júnior; a diretora do Espaço Cultural Al Pie de la Muralla, do Uruguai; Adrina Careaga; o comandante da 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea do Forte dos Andradas, general de brigada João Chalella Júnior; o juiz federal da 5ª Vara do Fórum de Santos, Roberto Lemos dos Santos Filho; o professor Emérito da UniSantos, coronel Elcio Rogerio Secomandi; o arquiteto, especialista em restauro e patrimônio, professor mestre Ney Caldato Barbosa; a arquiteta, especialista em restauro e patrimônio, professora doutora Cassia Magaldi; e a secretária-adjunta de Cultura de Guarujá, Patrícia Regina Gomes de Lima.

 

Os eventos integram as atividades comemorativas pelo Mês do Meio Ambiente, promovidas pela UNISANTOS.