CORECON- Estudantes do curso de Ciências Econômicas são destaque na 17ª Gincana Estadual de Economia

Estudantes ressaltam a importância de participar de uma gincana estadual no primeiro ano do curso

Eles estão no 2º semestre do curso de Ciências Econômicas e já se destacaram em um evento estadual que apresentava questões teóricas e práticas sobre a macroeconomia do País.  Alice Fernandes Marciano Souza, Everton de Andrade Ramos, Felipe Carvalho de Oliveira, João David Mendonça Vieira, Maira Alves Carvalho de Andrade, Matheus Resende Salgado, Matheus Sena Negro e Vinicius Alves Costa Lemos representaram a UNISANTOS na 17ª edição da Gincana Estadual de Economia, realizada em São Paulo, nos dias 23 e 24 de agosto.

 

Promovido pelo Conselho Regional de Economia do Estado de São Paulo (CORECON), o evento contou com a participação de 128 estudantes de diversas Universidade do Estado de São Paulo. Entre os representantes da UNISANTOS, o destaque ficou para as duplas formadas pelos estudantes João David Vieira e Matheus Resende, e Felipe Carvalho e Matheus Sena que avançaram até as oitavas e quartas de finais respectivamente.

João David e Matheus Resende durante a preparação para o evento

 

Considerando extremamente importante a participação nesses eventos, Matheus Sena Negro ressaltou que apesar da correria e intensidade da Gincana, ela acaba proporcionando o contato com profissionais e estudantes da área. “Durante o evento você conhece novas pessoas e acaba conhecendo mais sobre o mercado, e isso tudo agrega para o nosso currículo e até para que futuramente possamos entrar do Conselho [CORECON]”, finalizou.

 

 

Acreditando que a participação deixará o grupo ainda mais preparado para as próximas edições do evento, Maira Alves Carvalho de Andrade comentou que a Gincana faz com que o estudante tenha a possibilidade de expandir a sua mente para fora da Universidade. “Quando participamos dessas atividades temos a possibilidade de sugar conhecimento de pessoas que estão no mercado de trabalho e saber como estão as coisas nessa área”, concluiu.