Aluno de Relações Internacionais participa de encontro de educação em Cuba

daniel-ri
Daniel Garcia

Aluno do 8º semestre do curso de Relações Internacionais, Daniel Fernandes Garcia teve o trabalho “Educación para Todos, las Metas de la Unesco y la Construción del Hombre Nuevo” aprovado para o Encuentro Internacional por la Unidad de los Educadores, que acontece em Havana, em Cuba, entre os dias 30 de janeiro e 3 de fevereiro.

 

A pesquisa, que é parte do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de Daniel e foi orientada pelo professor doutor Thiago Fernandes Franco, aborda o conceito formulador da sociedade cubana, o “homem novo”, criado por Che Guevara, explicando como ele foi inserido na sociedade e como a educação de Cuba foi moldada e desenvolvida por esse conceito.

 

Daniel conta que escolheu o tema por ter se interessado pelo fato de Cuba conseguir bons resultados no âmbito da Educação, mesmo sendo considerado um país pobre sem infraestrutura e que sofre um bloqueio econômico muito forte por conta do seu regime socialista. “Será que um país precisa ser muito desenvolvido para ter uma Educação de qualidade?”, questiona.

 

O trabalho, que está dentro do fórum de Pensamento Educativo Latino-Americano, será exposto em apresentação oral. “Com certeza esse congresso vai abrir muitas outras portas para mim. Espero que seja o primeiro de muitos”, comenta.

 

PESQUISAS – Além de Daniel, a professora mestre Maria do Carmo Luiz Caldas Leite, docente da UNISANTOS, e a professora mestre Alcielle Santos, coordenadora pedagógica do Liceu Santista, também participarão do Encontro. Elas apresentarão as pesquisas “Fuentes de Energia para um Futuro Sostenible: los Desafios Actuales” e “Formación participativa como Coordinador de la ruta metodológica para la aplicación de Innovación Pedagógica”, respectivamente.

 

ENCONTRO – O evento, que reúne pesquisadores de diversos países, é organizado pelo Ministério da Educação da República de Cuba e pelo Palácio das Convenções em Havana. A iniciativa conta com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), do Fundo das Crianças da Organização das Nações Unidas (UNICEF), da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI), da Associação de Educadores da América Latina e do Caribe (AELAC), da Associação de Televisão Iberoamericana (ATEI), do Escritório Regional da Cultura para a América Latina e o Caribe (ORCALC / Havana), do Conselho de Educação de Adultos da América Latina (CEAAL) e da Confederação de Educadores Americanos (CEA).